Pular para o conteúdo principal

Mais fé

De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Cristo( Romanos 10.17)

O texto acima revela a maneira clara e simples pela qual a fé nasce em nosso coração: pela Palavra de Deus. A Bíblia é a palavra escrita de Deus e também a palavra viva do Senhor Jesus Cristo. Temos a fé divina quando a palavra habita em nós. A Bíblia não é um livro humano, mas espiritual, pois na sua leitura a fé é implantada no coração humano. Em II Pedro 1:21 está escrito: “ Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo.” Quem falou, através de homens santos, foi o Espírito Santo de Deus, a inspiração veio de Deus, a letra é humana, mas a palavra é divina. “Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para repreeder, para corrigir, para instruir em justiça; Para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra.”(2Timóteo 3.16 e17). Crendo assim, sabemos que a Bíblia não é algo que as pessoas escreveram a respeito de Deus, mas representa o próprio Deus.
No Novo Testamento há dois vocábulos gregos traduzidos por “palavra”: “logos” e “rhema”. Embora tenhamos a mesma tradução em nossa bíblia, no original “lógos”significa aquilo que está além da palavra escrita e falada, denota aquilo que vem não apenas dos lábios, mas da mente.”Rhema”,significa falar, ou proferir uma mensagem que terá o seu cumprimento.
Sabemos que para vencer as lutas que estão diante de nós precisamos de fé. Mas, nem sempre temos fé para vencer. Porém a palavra de Deus é Rhema, ela é definitiva, ela traz fé para cumprir, fé para vencer, fé para ser salvo. Quando ouvimos a palavra de Deus recebemos essa fé.
Então, muitas vezes estamos fracos diante dos problemas, diante das adversidades chegamos a murmurar contra Deus, dizendo que Deus é o culpado por não termos fé o suficiente para vencer os problemas, que determinadas pessoas sim, são de fé, são abençoadas mais do que a nós. Meu amigo, Deus não faz acepção de pessoas. Será que Ele é o culpado de determinada pessoa ser mais abençoada do que você? Será que ele resolveu abençoar mais o João do que o Pedro, ou será que há diferença na fé de ambos? Vamos entender que nossa fé, é que faz a diferença. Deus nos abençoa conforme cremos. Assim, se desejamos maiores bênçãos ,elas virão se tivermos mais fé. Porém, como teremos mais fé e mais bênçãos? A resposta é clara no versículo lido acima: De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Cristo. ( Romanos 10.17)
Quanto mais ouvirmos e lermos a Palavra de Deus, teremos e seremos mais abençoados.
Quer bênção? Comece hoje mesmo ler, ouvir e praticar a Palavra de Deus!

Deus te abençoará, mas vai depender de você colocar em prática essa mensagem!
Um grande abraço, no amor do Senhor.

Pastor Welinton Mehret

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Trazendo a Arca da Aliança

Como trarei a mim a arca de Deus? Leonard Ravenhill(1907-1994) foi um escritor e evangelista cristão britânico que focalizava em assuntos como oração e avivamento. É mais conhecido por desafiar a igreja moderna e seu mais notável livro é “Por Que Tarda o Pleno Avivamento?” Através de seu ensino e de seus livros, Ravenhill abordou as disparidades que ele percebia entre a Igreja do Novo Testamento e a Igreja moderna e apelou para a adesão aos princípios do avivamento bíblico, transcrevo um dos capítulos do Livro “Por Que Tarda O Pleno Avivamento: “Na igreja moderna, a reunião de oração é uma espécie de Cinderela. Essa serva do Senhor é desprezada e desdenhada porque não se adorna com as pérolas do intelectualismo, nem se veste com as sedas da Filosofia; nem se acha ataviada com o diadema da Psicologia. Mas se apresenta com a roupagem simples da sinceridade e da humildade, e por isso não tem receio de se ajoelhar. O “mal” da oração é que ela não se acha necessariamente associada a grandes f…

Resgatando os valores perdidos no lar

Lucas 15.8-10
8 Ou qual é a mulher que, tendo dez dracmas, se perder uma, não acende a candeia, varre a casa e a procura diligentemente até encontrá-la?
9 E, tendo-a achado, reúne as amigas e vizinhas, dizendo: Alegrai-vos comigo, porque achei a dracma que eu tinha perdido.10 Eu vos afirmo que, de igual modo, há júbilo diante dos anjos de Deus por um pecador que se arrepende.
A parábola (ilustração) da dracma perdida faz parte do conjunto de parábolas que Jesus contou em Lucas 15 para ilustrar o amor de Deus pelos pecadores, a parábola da ovelha perdida, do dracma perdida e do filho pródigo. Nas três parábolas, Deus busca o que estava perdido, encontra o que estava perdido e celebra com grande alegria a recuperação do que estava perdido. Uma Dracma era uma moeda. Observa-se que a mulher descrita é uma camponesa pobre, e as dez moedas de prata, "provavelmente representam a poupança da família." [2] As moedas também poderião ser o dote da mulher, vestida como um ornamento, como u…

Mantendo o fogo de Deus aceso.

1 Samuel 3.1-4
3.1 O jovem Samuel servia ao SENHOR, perante Eli. Naqueles dias, a palavra do SENHOR era mui rara; as visões não eram freqüentes.
2 Certo dia, estando deitado no lugar costumado o sacerdote Eli, cujos olhos já começavam a escurecer-se, a ponto de não poder ver,
3 e tendo-se deitado também Samuel, no templo do SENHOR, em que estava a arca, antes que a lâmpada de Deus se apagasse, 4 o SENHOR chamou o menino: Samuel, Samuel! Este respondeu: Eis-me aqui!
Existia no tabernáculo, onde se adorava a Deus, um candelabro , com sete lâmpadas que deveriam sempre estar acessas. E também havia o altar de holocaustos, onde o fogo não poderia se apagar.
· Ex 27.20“Ordenarás aos filhos de Israel que te tragam azeite puro de oliveiras, batido, para o candeeiro, para manter uma lâmpada acesa continuamente” (Êxodo 27:20). –falando do candelabro
· Lv6 .12 e 13:“O fogo que está sobre o altar arderá nele, não se apagará; mas o sacerdote acenderá lenha nele cada manhã, e sobre ele porá em ordem o h…